terça-feira, 9 de março de 2010

Doce revelação




ele vem chegando de mansinho
na suave penumbra revela
vai aos poucos se espalhando
sua intensidade me contagiando
sua visão...como é bela!

e asim vai abrindo suas asas
devagar toma conta de tudo
se expandindo, se torna pleno
por todos os lados domina
sutil, de leve, contudo

mais uma vez ele se mostra
e se mostrando a tudo ilumina
e me deixa boquiaberta
boba, vidrada e encantada
tal qual uma menina

e neste amanhecer me encontro
e nele eu acho o descanso
e nele também me revelo
e me revelando encanto
tão doce, suave e etérea
tão mansa e mulher me enlevo


Ciene


Doces doçuras pra ti


4 comentários:

Nel disse...

Adorei o texto!!!
Vc escreve mt bem.
;)
Bjs

A Magia da Noite disse...

e no despertar dos sentidos tudo ganha ternura.

Lulu on the Sky® disse...

Me identifiquei totalmente com sua poesia.
Big Beijos

Fabi disse...

kkk....Amigaaa....kkk... Mandei suas lindas palavras pro email do maridão e ele respondeu com o seguinte versinho: Não sabia...Por isso não vamos mais no acaso acordar e sim com o auxílio do despertador todos os dias "poetizar"!!!!

kkk...kk...Eu posso com isso, eu quis ser romantica e ele vira o jogo!!!!kkk...kk.....

Bjão!